segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Ponteiros

A maldição das paixões,
é esse certo vazio de espera,
de expectativa,
de vontades jogadas ao chão.
E se fugimos um instante dessa realidade,
dessa densa e malfadada saudade,
são apenas minutos sorrateiros que vêm...
apenas horas passantes que vão...
tic, tac
tic, tac,
tic, tac,
tic,......




Imagem: http://br.olhares.com/entre_ponteiros_foto1661958.html
Artista: Pedro Silveira

9 comentários:

Varnion, o lobo solitário disse...

Lindo.
Gostei especialmente deste e não sei exatamente porque........

te adoro
bjus

Milena Buarque disse...

Nossa, adorei!

Beijos,
;*

Márcio Vandré disse...

Engraçado, postei algo sobre ponteiros ontem.
Que sintonia hehe.
Mas as horas são isso mesmo.
Implacáveis.
E, de uma forma interessante, são bonômias.
Depende do ponto de vista.
Que mistério é o tempo.

Um beijo, Yasmin.
Belíssimo texto. :)

Fá-rofa Marinho disse...

Nossa... Tem uns posts q me deixam bem angustiada. Esse é um exemplo. Especialmente quando a gente, estranhamente sente falta de alguém que há um mês não fazia diferença nenhuma por ter deixado nossas vidas. oO'

Bizarro.

Yasmin Lara disse...

Pessoal, muito obrigada pelos comentários !!

E sim...é mto estranha essa falta que as pessoas fazem sem que a gente perceba o quanto...

abraços a todos

Vitor Santana disse...

Bom... muito bom colega

Yasmin Lara disse...

Márcio, obrigada pelos cometários!!

Sim,as horas são implacáveis. Pavorosas, rs.
Mas também sabem ser benéficas algumas pequenas vezes.

abraços
=)

Luiza de fato! disse...

Eu amei, pra variar.
Muito, muito bom.

;*

Yasmin Lara disse...

Obrigada pelo comentário, Luiza!!

Volte sempre.

=)