quarta-feira, 8 de julho de 2009

Linha

Mínima linha vazia,
ela diz-me aonde vou.
Nessa linha pequenina me cabe,
de tão pouca e rasa que sou.

5 comentários:

Luiza de fato! disse...

Lindo, lindo, lindo!
AMEI!
Parabéns.

Beijo.

Márcio Vandré disse...

Muito pelo contrário.
Pelo que ando olhando nesse mundo afora, rasos são os outros que não pensam e não se deixam pensar.
Você ao escrever é essência pura e simples de um pensamento querendo se libertar.
Seja a linha, mas não siga algo reto.
Os cortonos demandam mais tempo, mas podem trazer experiências inestimáveis.
:)
Um beijo, Yasmim.
Se cuide. ;)

Tainá disse...

Adorei o blog... estou te "seguindo"....

Varnion, o lobo solitário disse...

Tal poeta és que não precisas mais que uma pequena linha para te definir por completo.

Adorei.

Yasmin Lara disse...

Obrigada pelos comentários pessoal !!

=)

Voltem sempre !