quarta-feira, 6 de maio de 2009

Se eu fosse mais jovem...

Se eu fosse mais jovem, aprenderia a fazer as coisas direito. E faria.
Se eu fosse mais jovem, amaria muito. Sem arrependimentos. Sem talvez, porques, ou entretantos.
Talvez,se eu fosse jovem, eu tivesse usado mais saias curtas, mais roupas malucas.
Talvez, sentisse menos medo do futuro atrás da porta,
menos medo dos fantasmas do passado debaixo da cama.
Se eu fosse mais jovem, não carregaria tanto o peso da vida em minhas costas, para não causar futuras artrites.
Não enterraria meus sonhos no subsolo.
Não deixaria que passassem em branco as minhas estações,
nem que passassem com tanta seriedade as minhas frustrações.
Se eu fosse mais jovem, quebraria todos os meus relógios,
para não me lembrar segundo a segundo que o tempo estava a passar.
Aliás, daria as costas para o tempo de vez.
Se eu fosse jovem, não me preocuparia tanto com as rugas,
não me preocuparia tanto com todos,
nem tanto com tudo.
Se eu tivesse um dia mais jovem,
jogaria no lixo todas as minhas toneladas de indagações,
deixaria de lado as minhas depressões, as minhas falsas animações.
E correria mundo, me desfaria em cores,
me enlouqueceria, morreria a todo instante de amores.
Se eu fosse mais jovem, seria mais eu.
Se eu fosse mais jovem... Sempre mais jovem.
Ah, se eu fosse um segundo perdido no tempo mais jovem...




Texto: Yasmin Lara
Imagem: www.olhares.com
Galeria: Carla Salgueiro
http://br.olhares.com/havia_tempo_foto680671.html

5 comentários:

Luana Lins disse...

Excelente. Adorei,assim como todos os outros!
Gostei de você citar o tempo, qual tenho a sensação, alveja-me os cabelos!
“Porque o ponteiro do relógio pode até passar pelo mesmo ponto duas vezes. Mas ora de dia, ora de noite.” E o tempo passa a esmo...mesmo! =D

Beijos!

fElIp£ disse...

Se eu fosse mais jovem...
Todos nós andamos com esse arrependimento eterno.
Quando olhamos para o passado e vemos o quanto podiamos ter feito e nao fizemos.
Se eu fosse mais jovem...

Luiza de fato! disse...

Eu amei, amei seu texto.
Seu blog é lindo.
Tá favoritado!

Varnion, o lobo solitário disse...

A evolução de nossa sociedade nos trouxe a velocidade de movimentação, produção, comunicação, renovação. Porém o tempo também foi acelerado, os dias diminuidos e nossa vida se tornou curta demais.
O que resta é tornar cada misero segundo uma eternidade dentro da possibilidade de cada momento.

Muito bom. Adorei

Anônimo disse...

hey eu sou jovem!!! tenho 15 anos e me preocupo de me frustrar mais na frente! vcs que ja chegaram aí oque eu faço????